Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2011

As asas que realmente nos fazem voar

Imagem
Mateus 6: 25 e Lucas 12:22 “Por isso, vos digo: nãoandeisansiosos pela vossa vida, quanto ao que haveis de comer ou beber; nem pelo vosso corpo, quanto ao que haveis de vestir. Não é a vida mais do que o alimento, e o corpo, mais do que as vestes?”
Filipenses 4:6 “Nãoandeisansiosos de coisa alguma; em tudo, porém, sejam conhecidas, diante de Deus, as vossas petições, pela oração e pela súplica, com ações de graças.”
“O meu caminho está encoberto ao SENHOR, e o meu direito passa despercebido ao meu Deus? Não sabes, não ouviste que o eterno Deus, o SENHOR, o Criador dos fins da terra, nem se cansa, nem se fatiga? Não se pode esquadrinhar o seu entendimento. Faz forte ao cansado e multiplica as forças ao que não tem nenhum vigor. Os jovens se cansam e se fatigam, e os moços de exaustos caem, mas os que esperam no SENHOR renovam as suas forças, sobem com asas como águias, correm e não se cansam, caminham e não se fatigam.”(Isaías 40: 27-31)

Minha filhinha de quase 9 anos ama os animais eu di…

E não nos deixes cair em tentação; mas livra-nos do Mal - 7º dia

Imagem
[pois Teu é o Reino, o poder e a glória para sempre. Amém!]

Mateus 6:13

Este texto é a continuação de "Como Conversar com Deus - O Pai Nosso". Veja o texto deintrodução.

“O Senhor nos concede a oportunidade de fazer três pedidos em nosso próprio favor. Um deles refere-se ao presente:“O pão nosso de cada dia dá-nos hoje”.Outro refere-se ao passado:“Perdoa-nos as nossas dividas, como nós temos perdoado aos nossos devedores”. O terceiro apresenta uma questão referente ao futuro. Todos nós estamos de acordo quanto à nossa necessidade de pedir o pão e o perdão dos pecados. Todavia muitos discordam quanto a oração que devemos fazer com referência ao amanhã.
Ao contemplarmos o futuro, qual a nossa necessidade mais patente? O que é que mais tememos ou que mais nos causa apreensões? Para alguns são as enfermidades, e por isso suplicam a Deus que os conserve em boa saúde.
Por isso, o homem se interessa tanto por medicina preventiva, e faz seguros contra doenças ou hospitalização. Tememos a…

Perdoa-nos as nossas dívidas assim como temos perdoado aos nossos devedores - 6º dia

Imagem
Mateus 6:12

Este texto é a continuação de "Como Conversar com Deus - O Pai Nosso". Veja o texto deintrodução.

“Nesta oração Jesus menciona seis petições. Três delas se referem a Deus, e  três delas a nós. Todas as seis são sumamente importantes, mas ele parece dar um enfoque especial a uma delas. Ele não conferiu destaque nem a“Santificado seja o teu nome”,nem a“Venha o teu reino”,nem a“Faça-se a tua vontade assim na terra como no céu”, embora todos estes fatos sejam de grande importância.
Tampouco ele enfatiza nossa necessidade de pão, embora seja verdade que sem o alimento todos perecemos. Mas, depois de apresentar toda a oração, o Senhor resolve destacar uma das petições, e faz um comentário especial a respeito dela. Trata-se da seguinte:“Perdoa-nos as nossas dívidas, assim como temos perdoado aos nossos devedores”.O comentário que ele faz é:“Se, porém, não perdoardes aos homens (as suas ofensas), tão pouco vosso Pai vos perdoará as vossas ofensas”.(Mt. 6:15)
Não é que Deus s…

O Pão Nosso de cada dia dá-os hoje - 5º dia

Imagem
Mateus 6:11

Este texto é a continuação de "Como Conversar com Deus - O Pai Nosso". 
Veja o texto de introdução.

“Há uma divisão bem distinta bem no meio do Pai Nosso. Logo se nota a mudança de pronomes. Nas três primeiras proposições, usamos o pronome na segunda pessoa do singular: teu reino, teu nome, tua vontade. Nas três ultimas, porém, o pronome énós,nósenosso. Primeiro, pensamos em Deus; e só depois é que podemos ocupar-nos de nós mesmos.
E a primeira petição que o Senhor nos permite fazer em nosso favor é uma que realmente desejamos fazer. É justamente a que devemos fazer, se quisermos sobreviver.“O pão nosso de cada dia dá-nos hoje”engloba todas as nossas necessidades materiais.
Alguns dos pais da Igreja, como Jerônimo, Orígenes e Agostinho, ensinavam que a palavra “pão” ali se referia ao mesmo pão que Jesus mencionou quando disse:“Eu sou o pão da vida”.Eles acreditavam que era errado orar pelas bênçãos materiais. E até hoje alguns apóiam esta idéia.
Mas por que tentar espi…