O Caráter do Cristão - Refletindo Mateus 5:3 - Parte 1


Eu estava caminhando em meio à natureza e meu olhar voltou-se para as belas flores ‘selvagens’, essas que nascem sem que nós as cultivemos. Elas nascem cumprindo a ordem do Criador, espalhadas pelo vento, pelos pássaros... são belas, mui belas em sua simplicidade. Fui seduzida por meus pensamentos e eles me levaram a esta maravilhosa coletânea de meditações feitas pelo escritor e teólogo que tanto amo, George Knight. As quais compartilharei com você ao longo desse ano de 2019.






O Reino Radical
Por George Knight

Mateus 5:3 diz: “Felizes os pobres de espírito, pois o reino dos céus lhes pertence.” (Versão Transformadora)

"Essa não parece ser uma boa maneira de começar um sermão. Quero dizer, não é politicamente correto. Falta a delicadeza e bom senso de alguém especializado em relações públicas.

Afinal, quem deseja ouvir sobre pobreza de espírito? Esse pregador não está sintonizado com o mundo. Para ser “bem-sucedido”, você tem que dar às pessoas o que elas querem; tem que apresentar-lhe as palavras e ideias que elas desejam ouvir.

E qualquer ouvinte sabe que as pessoas se enchem de alegria com mensagens tais como: “Bem-aventurados os ricos” ou “Bem-aventurados os ricos de espírito”.

Bem, se Jesus realmente desejava atrair uma multidão, Ele tinha que inteirar-Se dos métodos do mundo. Com uma mensagem do tipo: “Bem aventurados os pobres de espírito”, Ele nunca atingiria a maioria das pessoas. Ele nunca alcançaria o tipo de sucesso que é respeitado pela cultura em geral.

Mas é exatamente aí que está a diferença entre os valores convencionais e Jesus. Ele não estava preocupado com a admiração do mundo à Sua volta. Preocupava-Se em estar em sintonia com Deus.

Como resultado, Sua mensagem é o oposto daquela da cultura em geral. É uma mensagem contrária à sabedoria do mundo. Aos olhos do mundo, Jesus está pregando uma mensagem contracultural. Na realidade, essa primeira bem-aventurança inverte o sistema de valores do mundo. Ela revoluciona as coisas.

O reino de Jesus é um reino radical, e seus cidadãos também serão radicais. Essa é a mensagem surpreendente das Bem-aventuranças, do Sermão do Monte, e de todo o Novo Testamento.

“Bem-aventurados os pobres de espírito” Essa é uma das declarações mais radicais do mundo. Contudo, constitui a base da mensagem cristã de Jesus.

E essa mensagem é pessoal, para mim e para você. Temos que escolher entre Jesus e o mundo – entre seus valores e os dEle. Nas Bem-aventuranças, Jesus estabeleceu os princípios centrais de Seu reino radical." 

George Knight


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

3º Dia: Por que as coisas pioram quando mais buscamos a Deus?

5º Dia: Unges a minha cabeça com óleo e o meu cálice transborda

O Rio Jordão: As Águas de Naamã